Agendamento de consulta: (81) 3033.3600 | (81) 9 8130.3600

Toggle navigation

Exame de Polissonografia: para que serve?

Pacientes que sofrem com distúrbios do sono, e apresentam sintomas como sonolência diurna excessiva, distúrbios respiratórios como roncos e apneia, alterações do ritmo cardíaco e síndrome das pernas inquietas, deverão realizar o exame de polissonografia, quando recomendado pelo seu médico.

Esse exame é não invasivo que mede a atividade respiratória, muscular e cerebral durante o sono. Para conseguir essas informações, são espalhados pelo corpo vários sensores, e então são analisadas por computadores que transformam os dados em padrões que descrevem em detalhes como é o descanso do indivíduo.

Para entender melhor sobre o exame, separamos algumas informações importantes que você precisa ter em mente para entender para que serve o exame. Continue sua leitura e confira.

Para que serve o exame?

A polissonografia é um exame que serve para analisar a qualidade do sono e diagnosticar doenças relacionadas ao sono, podendo ser indicado para pessoas de qualquer idade. A polissonografia monitora seus estágios do sono e ciclos para identificar se seus padrões estão sendo interrompidos e o que está causando isso.

O médico pode recomendar a polissonografia quando suspeita de algum distúrbio do sono, que pode reduzir a qualidade de vida, ocasionando sonolência diurna, cansaço físico e mental; além de aumentar os índices de Infarto agudo do miocárdio; acidente vascular cerebral, etc.

Como é feito o exame?

Para realizar a polissonografia, são fixados eletrodos no couro cabeludo e no corpo do paciente, além de um sensor no dedo, para que, durante o sono, sejam analisados os parâmetros que permitem detectar as alterações suspeitadas pelo médico.

Confira a seguir as avaliações que são realizados durante o exame:

– Eletroencefalograma (EEG): serve para registrar a atividade cerebral durante o sono;

– Eletro-oculograma (EOG): permite identificar quais as fases de sono e quando começam;

– Eletro-miograma: registra o movimento dos músculos durante a noite;

– Fluxo aéreo da boca e nariz: analisa a respiração;

– Esforço respiratório: do tórax e abdômen;

– Eletrocardiograma: verifica o ritmo de funcionamento do coração;

– Oximetria: analisa a taxa de oxigênio no sangue;

– Sensor de ronco: registra a intensidade do ronco.

– Sensor de movimento dos membros inferiores, dentre outros.

A Polissonografia é segura e indolor

A polissonografia é um exame não invasivo e indolor, por isso, não costuma provocar efeitos colaterais. Porém, em alguns casos, é comum certa irritação da pele causada pela cola usada para fixar os eletrodos na pele.

As contraindicações do exame são: paciente que apresenta gripe, tosse, resfriado, febre, ou outros problemas que possam interferir no sono e no resultado do exame.

Na UNO você garante profissionais experientes que garantem sua segurança e conforto durante a realização dos exames, além de equipamentos de ponta para garantir a confiança nos resultados obtidos. Entre em contato e marque a sua consulta conosco. Marque o seu exame e realize o seu diagnóstico na UNO!

Compartilhe

Recomendados

* Em caso de urgência, não é necessário agendar – Pronto atendimento Derby.

** Se o seu plano for Amil, Bradesco ou Sul América, sugerimos confirmação pelo telefone (81) 3033-3600, uma vez que esses planos possuem variações que não são atendidas pela UNO.